Tratamento Endodôntico ou “Desvitalização”

O propósito final de um tratamento endodôntico não cirúrgico ou “desvitalização”, como é vulgarmente conhecido, é garantir que os tecidos que circundam o dente mantenham ou recuperem um estado saudável apesar do facto de a polpa dentária ter estado sujeita a alterações degenerativas e/ou a infecção bacteriana.

O tratamento começa após a anestesia do dente e tecidos vizinhos, pela colocação de um dique de borracha. A fase seguinte passa por realizar no dente uma pequena cavidade de acesso aos canais radiculares. O próximo passo consiste na desinfecção e conformação dos canais radiculares. É conseguido com recurso a instrumentos denominados limas, sejam eles usados manualmente ou mecanicamente. A desinfecção é obtida através da irrigação abundante de soluções antibacterianas.

A finalização do tratamento faz-se com o preenchimento dos canais com um material derivado da borracha, chamado guta-percha, que é colocado numa consistência plástica. Terminado o tratamento endodôntico, o acesso é provisoriamente selado, até se agendar a reconstrução definitiva da coroa dentária.

in RPCendo
 

Copyright © 2012 www.maiasorriso.com | Créditos MaiaSorriso